A mensagem nas eleições presidenciais portuguesas: os cartazes e slogans entre 1976 e 2006

Paula do Espírito Santo

Abstract


O artigo presente tem como objectivo a análise das representações discursivas, políticas e dos valores contidos nos slogans das eleições presidenciais portuguesas, a partir de 1976, data das primeiras eleições presidenciais pós-revolução de 1974, até 2006. Os resultados do estudo incidirão na análise da diferenciação discursiva, política, ideológica e dos valores contidos nos slogans de campanha. Do ponto de vista metodológico, este estudo utiliza a análise de conteúdo, suportada na vertente qualitativa e inferencial, direccionada para os conteúdos informacionais considerados.

Keywords


Comunicação política, eleições, slogans, cartazes, análise de conteúdo

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15847/obsOBS522011430