O Ano em que o Cinema que conhecíamos parou: um retrato em três actos

Jaime Lourenço

Abstract


Passado um ano de pandemia, podemos afirmar que o panorama cinematográfico se alterou por completo, desde as salas vazias, estreias adiadas, rodagens interrompidas, profissionais em crise, etc. No entanto, além da crise provocada, o streaming consolidou-se e tornou-se na principal forma de ver filmes durante este período. Contudo, levanta questões sobre a vitalidade e sustentabilidade do modelo que conhecíamos até então. Neste artigo, propomos retratar um ano de pandemia em três momentos distintos: os efeitos provocados pela Covid-19 ao sector cinematográfico, a presença fortalecida do streaming e as consequências para o modelo tradicional do cinema, e uma interrogação sobre os caminhos que o cinema irá trilhar num futuro próximo.

Keywords


Cinema; Streaming; Covid-19; Pandemia;

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15847/obsOBS0020211904

License URL: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/2.0/