As Cartas dos Leitores no Público e no Diário de Notícias

Marisa Torres da Silva

Abstract


As cartas dos leitores podem ser comummente descritas como um meio através do qual os leitores têm voz sobre os mais diversos temas, constituindo-se como um dos lugares do jornal onde o cidadão tem a oportunidade de se expressar. Para estudar a forma como a voz dos leitores é seleccionada e enquadrada na imprensa, centrámos a nossa análise nas secções “Cartas ao Director” e “Tribuna Livre”, respectivamente dos jornais Público e Diário de Notícias, utilizando a metodologia da observação participante para uma compreensão mais efectiva do processo e das razões das escolhas que são feitas na selecção das cartas dos leitores, no contexto específico em que ela ocorre. O contacto alargado com as redacções de ambos os jornais permitiu-nos distinguir entre regras estabelecidas no processo de escolha das cartas, que estão enunciadas e explícitas, tendo o leitor um conhecimento prévio das mesmas, e critérios de selecção que não estão explícitos aos olhos do leitor, mas que se prendem com motivos de ordem organizacional (imbuídos nas rotinas jornalísticas) e de ordem individual, relacionados com as características pessoais de quem tem competência para seleccionar as cartas. Não obstante as potencialidades de uma discussão democrática de ideias na secção das cartas dos leitores, verificamos que os dois diários analisados, ainda que com algumas variações e particularidades inerentes ao processo de selecção das cartas de cada um, constróem o debate que aí ocorre, de acordo com as práticas e os valores jornalísticos, tendo simultaneamente o poder de decisão sobre os intervenientes e temáticas desse mesmo fórum.


Deliberative Democracy and Letters-to-the-Editor: a Case-study of two Portuguese Newspapers

Letters-to-the editor may be described as a means by which the readers have the opportunity to express their opinions about many subjects. In order to study the way by which the reader’s voice is selected and constructed by press, we analyzed the social context and the news production practices surrounding letters to the editor in the two daily Portuguese newspapers of record, Diário de Notícias and Público, through the methodology of participant observation. Deliberative democratic theory offers, in this context, a powerful conceptual map for evaluating the practices and routines observed. This article intends, thus, to verify how the selection criteria of letters to the editor may shape the perception that press in general has from its public.

Keywords


espaço público, imprensa, participação, cartas dos leitores, letters-to-the-editor, press, deliberative democracy, participation, journalism

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15847/obsOBS222008117