The supplied diversity of cinema in the Euro-Mediterranean space. A value chain approach.

Vera Araújo

Abstract


Following the approval of the UNESCO’s Convention on the Protection and Promotion of the Diversity of Cultural Expressions, and its recent ratification by the needed 30 countries, this paper proposes an exploratory analysis of the supplied diversity of the cinema sector in the Euro-Mediterranean area. In a particular context of countries that lack a consistent film production sector, this exploratory study tries to identify how globalization affects the production, distribution and exhibition sectors, in what relates to cultural diversity considering the pressures for cultural homogeneity and concentration. Conjugating the multidimensional approach to the concept of “cultural diversity” suggested by Benhamou and Peltier (2006) with the cinema value chain model, the author tries to evaluate variety, disparity and proportion, in the production, distribution and exhibition phases of the cinema industry’s value chain. Following a literature review, the author departs from the hypothesis that there is a poor degree of diversity in the cinema supply in the area, and then focuses on the variables that will allow to assess the actual degree of diversity by establishing comparisons among the different Euro-Mediterranean countries’ realities.


A diversidade da oferta cinematográfica na área Euro-mediterrânea: uma análise baseada no modelo da cadeia de valor

Na sequência da aprovação da Convenção sobre a Protecção da Diversidade das Expressões Culturais pela UNESCO, este artigo propõe uma análise exploratória da diversidade da oferta cinematográfica na área Euro-mediterrânea. No contexto específico de países sem um sector de produção cinematográfica consistente, o presente estudo tenta compreender em que medida a globalização afecta os sectores da produção, distribuição e exibição cinematográfica no que diz respeito à diversidade cultural, considerando as pressões para a homogeneidade, e as forças direccionadas para a concentração. Através da conjugação da abordagem multidimensional ao conceito de "diversidade cultural" proposta por Benhamou e Peltier (2006), com o modelo da cadeia de valor do cinema, avalia-se os diversos indicadores de variedade, disparidade e proporção, nas várias fases da cadeia de valor. Com base numa revisão da literatura prévia, parte-se da hipótese que existe actualmente um baixo grau de diversidade na oferta cinematográfica da região em análise, para em seguida analisar comparativamente os vários países da região Euro-mediterrânea no sentido de aferir o real grau de diversidade nesta zona geográfica.

Keywords


cinema industry; value chain model; cultural diversity; concentration; intercultural theory; globalization

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15847/obsOBS12200774