Reflexões sobre ética e autorregulação no exercício do jornalismo por amadores

Dairan Mathias Paul, Rogerio Christofoletti

Abstract


O artigo apresenta percepções de não-jornalistas de dois coletivos brasileiros sobre valores deontológicos do jornalismo. A partir de entrevistas com membros do Mídia Independente Coletiva e do Carranca, debatemos possibilidades de autorregulação nas rotinas de amadores que praticam atos de jornalismo, ou seja, apuram e divulgam informações por conta própria, sem filtros editoriais de veículos jornalísticos. Conclui-se, entre outros aspectos, que os sujeitos da pesquisa reconhecem os valores da deontologia jornalística, mas se mostram resistentes à autorregulação por verem nela um caminho de censura às suas práticas.

Keywords


não-jornalistas; ética jornalística; autorregulação; deontologia do jornalismo; pro-am.

Full Text:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15847/obsOBS13320191430

License URL: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/2.0/